Definir o preço de venda dos seus produtos é uma das etapas mais importantes no planejamento do seu negócio e, ao mesmo tempo, uma grande fonte de dúvidas. Afinal, quanto devo cobrar pelo meu produto?.

A precificação é responsável direta pelo faturamento da sua empresa, uma vez que a maior parte da receita de qualquer alambique vem da venda de seus produtos. Sendo assim, para quem você deseja vender, qual mercado o seu produto se insere e a logística utilizada no processo de venda são diretamente influenciados na gestão e cálculo da precificação da cachaça. Para te ajudar nessa empreitada, produzimos este post para auxiliar a definir valores.


O Markup

Nós do Cachaça Gestor, nos baseamos no índice Markup, um modo de calcular o valor final baseado no preço margem, ou seja, no preço total de custo do produto. Este indicador é muito utilizado, pois preza pela categorização de todos os custos envolvidos no processo de produção e venda do produto. 

Identificando todos os ítens que atravessam a produção e venda da cachaça você terá maior controle e, portanto, maior segurança na hora de ajustar as despesas das vendas da branquinha.

Então vamos lá! O primeiro passo para estabelecer o preço final de venda  é conhecer exatamente o custo de produção. Qual é o valor exato que possuo para produzir a cachaça?

Para isso, você precisa controlar todos os gastos necessários para produzir a caninha. As despesas inclusas no custo de produção são considerados como valor base inicial,  sendo estes acrescidos juntamente aos custos de venda para calcular o preço final do produto.

Já os custos de venda, são todas as despesas necessárias para a vazão e funcionamento do restante da sua empresa. Estes gastos podem ser agrupados em basicamente 4 ítens:  impostos, comissão, despesas administrativas e o lucro.


Impostos

Se você produz e vende cachaça, você deve pagar impostos. Neste post, falamos um pouco sobre a legislação e os aspectos tributários que atravessam a produção de cachaça regulamentada. Quando for calcular o preço final da sua mercadoria é necessário incluir os impostos que são cobrados para a venda regulamentada do seu produto.


Comissão

Taxa referente à venda da cachaça, geralmente paga quando há intermediação de negócios por terceiros.

Despesas administrativas

São todas as despesas que não estão diretamente relacionada à produção de cachaça, mas na administração do seu negócio. São despesas relacionadas à venda e não a produção de cachaça. Alguns exemplos de despesas administrativas são energia elétrica do escritório, sistemas de venda, administrador, entre outros.

Lucro

É o valor esperado que você deseja ganhar de fato na venda do seu produto. Você pode estipular um valor ou calculá-lo a partir de vendas anteriores, como é o caso do faturamento obtido nas vendas subtraindo o valor total de produção .

Calculando o valor total de produção da cachaça junto ao valor do custo de venda citados neste post, você conseguirá calcular um preço justo para o seu produto que supra as despesas e obtenha lucro, garantindo o sucesso do seu negócio. 

O cálculo necessário é explicado no vídeo abaixo. Ademais, você pode usar esta planilha para simular os seus valores .

E, por fim, lembre-se: para definir o preço de venda da sua cachaça, é importante ter também um planejamento estratégico financeiro e uma pesquisa de mercado eficaz. Por isso, nós sempre postamos dicas sobre planejamento e estratégia de vendas, fique de olho nas nossas redes!


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você pode usar essas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>