new-piktochart (2)

 

Confira algumas dicas para uma boa degustação de cachaça

 

Observe o rótulo

O rótulo pode dizer bastante sobre a qualidade de uma cachaça. Fique atento às principais informações, como teor alcoólico, fabricante, tempo de envelhecimento e a madeira, no caso desse tipo de cachaça. Ah, não se esqueça de verificar se ela está registrada no Ministério da Agricultura.

 

Sem resíduos

A cachaça pode estar na taça, no copo, ou ainda na garrafa, não importa: observe SEMPRE se há impurezas ou partículas junto com a bebida.  Se houver algum resíduo sólido isso indica que o processo de produção, filtração ou o armazenamento da bebida não foram higiênicos o bastante. O ideal é que a bebida esteja completamente límpida.

 

Aroma

Por mais que a cachaça tenha um teor alcoólico que varia entre 38% e 48%, as cachaças de boa qualidade não devem ter um cheiro muito acentuado de álcool. Se depois de sentir o aroma da bebida que está no copo, seu nariz arder ou até mesmo sair lágrima do olho, desconfie. Apesar do álcool também ter um cheiro, o normal é que você consiga sentir outras coisas além dele, como o da própria cana-de-açúcar, ou, ainda, aromas que acentuam-se do processo de envelhecimento e carregam características da madeira, como  aromas doces, vegetais, frutados etc.

 

“Cachaça boa tem que chorar”

Depois que a cachaça tiver sido servida, gire o copo ou a taça até que o líquido “suba” pelas paredes; observe e aos poucos você verá que o líquido começa a escorrer para baixo. Essa são as lágrimas da cachaça! Há um ditado que diz que “cachaça boa tem que chorar”! Isso porque ela tem que ter uma certa oleosidade que a torna mais “espessa”, e reflete o equilíbrio da bebida. Segundo o especialista Leandro Marelli, se a lágrima escorre rápido demais é sinal de que a cachaça tem uma graduação alcoólica baixa ou que a água foi adicionada de maneira incorreta à bebida. Já se a lágrima demorar demais para descer, pode significar que a bebida tem uma graduação alcoólica alta ou que a etapa da fermentação durante a produção não foi lá tão cuidadosos.

 

 

Hora de degustar!

Quando você colocar a cachaça na boca, o ideal é que não dê um golão. Para realizar degustação de cachaça, comece com um pequeno gole e a saboreie para, depois, engolir. Este destilado se for de qualidade não desce rasgando e não arrepia, ela tem um toque suave. A cachaça pode ser uma bebida envelhecida em diferentes madeiras, e esse é um dos fatores que a torna uma bebida complexa. Tente aproveitar cada gosto e aroma que a bebida tem a oferecer. Com o tempo você começará a identificar os sabores com maior facilidade.

 

~~ Bonus ~~

Confira a seguir um vídeo com o sommelier de cachaça Leandro Batista, que traz alguns tipos de cachaça e fala sobre a degustação de cachaça. Assim, você terá mais algumas opções desta bebida para degustar!

 

Créditos:

arte: Taíssa de Faria – www.piktochart.com

informações: www.cachacaexpress.com.br  e  www.quintaldacachaca.com.br

video: www.mapadacachaca.com.br

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você pode usar essas tags e atributos HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>